10 Comidas Estranhas pra Provar na Europa


Dizer que uma comida é estranha é muito relativo, pode ser estranha pra mim, mas pode ser uma iguaria deliciosa pra outros! O assunto aqui é mais uma questão cultural do que propriamente se o alimento é estranho.


Provar a gastronomia local é uma ótima maneira de conhecer sobre o lugar, suas tradições e cultura. Quando estou conhecendo um novo lugar, sou a favor de deixar os "méquedonaldis" da vida de lado e experimentar a culinária local.

Mas tem comidinha que não teve jeito. Com os itens da minha lista aconteceu o seguinte: algumas poucas delas provei e agora adoro. Já outras (a maioria), sem chance, não provo nem de graça! Acho que tudo nessa vida é comestível, mas são alimentos que não estou acostumada a ver como alimentos, talvez por preconceito! rs Como diria o famoso cozinheiro espanhol Ferran Adrià: "Não existe comida estranha, existe gente estranha!"

Vamos à lista:

1- Percebes

Essa é uma das comidinhas mais estranhas que provei na Europa e que hoje em dia amo! Os percebes são uns crustáceos muito feios que vivem em colônias agarrados às rochas no mar. A colheita é feita de forma artesanal quando a maré baixa e é perigoso, um dos motivos que fazem os percebes serem caros.

É bem fácil de preparar, precisando só fervê-lo em água. São constituídos de duas partes: uma "unha" e um "talo", que é a parte comestível. Puro sabor a mar!! Apesar de ser encontrado em quase todo Atlântico Norte, é uma iguaria  muito consumida em Portugal e na Espanha. Delícia!

Percebes (Foto: Javier Lastras)

2- Ouriço-do-Mar

Outro bichinho do fundo do mar caçado quando a maré baixa. Parentes das estrelas-do-mar, os ouriços têm uma carapuça dura cheia de espinhos, e a parte comestível fica dentro, chamada de "ovas", que na verdade são os órgãos reprodutores do bicho. Dizem que também tem "sabor de mar".

Ouriços-do-mar

Ouriços: a parte comestível é a laranja.

3- Foie Gras

Essa iguaria francesa dispensa apresentações pra maioria, mas entra na minha lista. É muito famosa tanto pelo seu sabor e textura quanto pela polêmica em sua produção. O patê de Foie gras (fígado gordo) é o fígado de pato ou ganso obtido através de um intenso processo de engorda em um curto período de tempo. A alimentação forçada dos animais resulta em fígados 10 vezes maiores que o normal. 

Seu sabor é muito apreciado, mas cá entre nós, eu detesto. Pra mim, o sabor é muito forte e enjoativo. 

Foie gras (Foto:Bloggyboulga)

4- Pombo

Pombo?? Sim, prato estrela em Game of Thrones!
Eu dividia apartamento logo que me mudei pra Portugal há alguns anos. Um dia cheguei de viagem e fui dar uma olhada no congelador. Pra minha surpresa (surpresa, não! Imagina uma cara de nojo) tinham dois pombos congelados, com pena e tudo, no melhor estilo galinha caipira!

Os pombos são iguarias em algumas regiões de Portugal e pelo que soube, da Europa. E dizem, que tem que ser pombo de criadouro, pois esses das ruas são contaminados. Então tá!

Pombo (Foto:Stijn)

5- Larvas e Insetos

Estava eu tranquilamente escolhendo a carne em um Carrefour na Antuérpia, Bélgica, quando me deparo com uma bandeja de larvas. Na Bélgica, são autorizadas a comercialização para consumo de 10 tipos de insetos. Os especialistas dizem que são muito nutritivos, com alto teor de proteínas e minerais. No meu caso, preferi escolher a bandeja com entrecôt.


6- Caracóis

Sabe aquele caramujo gosmento que anda pelo seu jardim? No sul da Espanha e em Portugal é um manjar, um delicioso petisco pra acompanhar uma cervejinha. Na primavera e no verão, qualquer bar que se preze tem a plaquinha de "Há Caracóis".  Juro que já tentei comer um, mas quando a anteninha e aqueles olhinhos negros chegaram perto da minha boca, desisti. Abortei a missão.


Só pose mesmo!

7- Chicória Belga

Pra ter um representante do reino vegetal, escolhi a chicória, também chamada endívia. Essa verdura de sabor forte e amargo é muito usada na culinária belga. Normalmente, o acompanhamento dos pratos belgas é uma porção de batatas fritas e um potinho com salada de chicória. Descoberta por um agricultor belga em 1830, a verdura tem ainda zilhões de receitas. É considerada o ouro branco da Bélgica. Prefiro o alface!

Chicória (foto: Miran)

8- Ovas de Peixe

Prato bem típico em Portugal é a Salada de Ovas, que geralmente são de bacalhau, pescada e merluza. Depois de cozidas, são fatiadas e servidas com cebola, azeite e vinagre. Também não tive coragem de provar porque vi a ova inteira. Podem me chamar de fresca!

Salada Ovas (Foto:Turismo Odemira)

9- Cérebro de boi, cordeiro e porco

Muita gente come as vísceras dos animais no Brasil. Eu mesma adoro moela e coração de galinha, mas nunca pensei comer o cérebro de nenhum bicho. Mas comi, enganada, mas comi. Uma ex chefe minha em Portugal chegou com um prato pra que eu provasse, mas não disse o que era. Tinha uma textura parecida a farofa de carne moída. Lembro-me que não gostei muito. só depois ela disse que era cérebro de boi. A não ser que me enganem, não volto a comer. Já vi receitas de cérebro à milanesa na Espanha e não me abriu o apetite nem nada...

10- Gula

Pra fechar a lista, uma coisa que parece, mas não é: gulas, uma imitação das angulas.  Bom, angulas (em espanhol) são as crias das enguias, muito apreciadas na Espanha. O problema é que o quilo dos bichinhos pode passar facilmente dos 500€.  Pra driblar o alto preço, uma fábrica do norte espanhol criou uma imitação, as gulas, muito parecidas em aparência e dizem, em sabor também. O genérico é feito com carne de um parente do bacalhau, féculas, azeites e clara de ovo. Um produto bem mais barato e nutritivo. Cada marca usa um nome diferente, mas popularmente, são chamadas de gulas. E o preço também varia um pouco de acordo com a marca, mas o preço das gulas pioneiras sai a 5€ 200 gramas. Adoro as genéricas, são muito gostosas. Já as verdadeiras, não provei porque não pago o preço que custam e porque tem um par de olhinhos me olhando.

Gulas, a imitação das "angulas".

E você, já comeu alguma comida estranha? Adorou ou detestou? Ou prefere atacar um bom MacMenú e deixar as esquisitices de lado?




Este post faz parte de uma Blogagem Coletiva com experiências gastronômicas de vários blogueiros. Dá uma olhada nestas comidinhas pelo mundo e delicie-se:

- Destinos por onde andei... - Minhas Experiências Gastronômicas pelo Mundo
- Mochilão Barato - O melhor da comida capixaba
- Pequeno Grande Mundo - Comida Típica Chilena
- Arrumei as Malas e Parti - Experiências gastronômicas por aí
- Bagagem de Memórias - Top 10 comidas da minha volta ao mundo
- Tirando Férias - Viajando através dos sabores

12 comentários

  1. Oi Lidiane!
    Acho que eu comeria ouriço, que são muito bonitinhos. Provaria o fígado gordo e só. Fresquinha né? Bjs Ilma

    ResponderExcluir
  2. Já comi ouriços e até que gostei, agora tem umas coisinhas aí que eu jamais provaria! Não tenho coragem mesmoooooo...
    Foie Gras até gosto mas acho cruel a forma como é feito... então evito!
    Endívias belgas acho deliciosas, temos por aqui também.
    Parabéns pelo Post!

    ResponderExcluir
  3. Você é bem corajosa!
    Tirando as ovas e peixe e o Foie Gras, eu não comeria nada e nem me atreveria a experimentar.
    Palmas para sua coragem hehehehe

    Muito bom seu post!

    ResponderExcluir
  4. Comi caramujos no Marrocos e são normais, nem saboroooosos, nem ruins, totalmente diferente dos percebes, que tb achei bem bom. Mas insetos nunca mais! Comi no México e tem gosto de insetos :/ Totalmente diferente Gostava muito do foie gras, mas não como por questões éticas. E tem várias coisas no post que eu nunca tinha comido, valeu por apresentar!

    ResponderExcluir
  5. Ahhh o percebes eu não provei em Madrid pelo preço, agora me arrependo :(
    O ouriço eu provei, e sim, tem gosto de mar mesmo. haha
    Ficou ótima sua lista, já provei alguns e nenhum é ruim. haha Mas tem que ter coragem mesmo.

    ResponderExcluir
  6. Foi viajando que eu descobri que sou fresca pra caramba para comer. Achava que comia de tudo, mas quando descobri essas coisas... aprendi meu limite.
    Não comeria a maioria das comidas dessa lista. Não gosto de foie gras, não sou fã de gosto de mar, larvas e lesmas jamais.
    Acho que fico com o mc donalds. hahahaha

    ResponderExcluir
  7. Nossa, e a coragem para comer esses itens? Lendo seu texto só pensei: Se é assum na Europa se prepara para quando for à Asia kkkk
    Adorei =)

    ResponderExcluir
  8. Adoro provar comidas típicas e até coisas estranhas. Mas confesso que pensaria algumas vezes para alguns desses itens. kkkkk
    Já comi os ouriços em um restaurante francês no Chile. Muito gostosos!
    E tb comi a endívia em pizza em Malta. Meio esquisito. rs
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Menina não sabia de tantas comidas estranhas na Europa ... só não como pedra porq não amolece e amo frutos do mar então, provaria td , rsrs... qt ao fois gras, compartilho do mesmo paladar, não achei bom não.

    Amei o post!

    ResponderExcluir
  10. Estarei voltando pra Espanha esse ano, vou procurar por essas iguarias que você indica aqui. Como tudo, não tenho problema em provar nenhum 'bicho' :).

    ResponderExcluir
  11. A única "coisa" que eu comeria da sua lista é o Foie Gras, o resto nem pensar. Precisa muita coragem para experimentar, além de serem preços absurdos. Mas foi uma lista bem bacana, de coisas que muita gente não comeria, rsrs.

    ResponderExcluir
  12. Que post interessante! Após ler fiquei pensando, pensando, e acho que só teria coragem de provar a Chicória Belga. Fiquei curiosa com o Percebes, mas tem um aspecto tão diferente, que não me arriscaria. Estou impressionada com a sua coragem! Parabéns!

    ResponderExcluir

Back to Top