Sevilha com Crianças: Visita ao Aquário

aquário de sevilha

O Acuário de Sevilla foi inaugurado em 2014 como centro de divulgação e investigação científica e conservação de espécies.

O edifício é dividido em 36 tanques que mostram ao longo dos seus 700 m. de  percorrido (mais ou menos 1h. e meia) um pouco dos animais que existiam em 1519 no caminho feito pelo navegador português Fernão de Magalhães, que estava a serviço da coroa espanhola. Conhecido pelos espanhóis como Magallanes, ele foi o organizador da primeira viagem de volta ao mundo e partiu do Puerto de Sevilla, no auge dos Descobrimentos, tentando criar um novo Caminho das Índias em busca de especiarias.

Comendo em Uma Bodega: Os Famosos "Restaurantes-Cuevas" de Valdevimbre

cuevas valdevimbre

Há restaurantes que atraem pela boa comida, já em outros, a comida fica em segundo plano. É o caso das cuevas de Valdevimbre, na província espanhola de León (Castilla y León).  As cuevas (cavernas) têm mais de 300 anos de história e antigamente eram bodegas subterrâneas que foram transformadas nos dias de hoje, em charmosos restaurantes.

Onde Ver Flamenco em Sevilha?

flamenco em Sevilha

O flamenco é um cartão de visita não só de Sevilha, mas de toda Espanha, já que é a imagem que o turista tem do país. Mas o berço do flamenco é a região da Andaluzia e ver um espetáculo é praticamente obrigatório pra quem visita sua capital Sevilha.

21 Melhores Fotos de Viagem de 2017 do Concurso da National Geographic


Boa notícia pra quem gosta de fotografar e viajar! Já conhecemos o resultado do concurso National Geographic Travel Photographer of the Year - 2017.

Todos os anos, o concurso busca mostrar as diversidades do nosso planeta com maravilhosas fotos de viagem.

Seguindo os Passos do Pintor Rubens na Antuérpia

rubens antuérpia

O mestre do barroco flamengo, Peter Paul Rubens, foi um típico artista de seu tempo: pintor, escultor, desenhista, escritor, diplomata e inclusive, espião.  

Pintou quadros de vários gêneros: desde retratos até grandes telas com temas religiosos e quadros históricos. Sua posição social nas classes altas jamais tinha sido vista antes em artistas daquela época. 

Apesar de ter nascido em Siegen (Alemanha, 28 de junho de 1577) e ter percorrido quase toda a Europa desempenhando diversas funções, foi na Antuérpia que Rubens passou a maior parte da sua vida e onde se transformou num dos personagens mais importantes da História da Arte e maior nome do barroco flamengo, a arte produzida nos Países Baixos do Sul durante o domínio espanhol nos séculos XVI e XVII.

Back to Top